• White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White Twitter Icon
  • White YouTube Icon

Fazer curso fora de Brasil... Saiba mais sobre a Egali Intercâmbio e The Language Gallery

01.06.2017

Eu converso com muita gente, principalmente sobre viagens (adoooro!!) e ouço as pessoas falando: “queria tanto fazer um curso fora, mas não tenho condições, não posso”!! What??!? Primeiro, vamos começar tirando esse “queria” daí, vamos substituir pelo “quero”! Segundo, se você quer mesmo, trabalhe nisso, tenha um objetivo e vá atrás! É sério, gente! Tem muita gente acomodada com desculpas, “não tenho tempo”, “não tenho dinheiro”, “não tenho coragem”... Se quiser, pode ter tudo isso! Ou parte disso! Eu sou assim como a maioria dos brasileiros, que nada vem de graça! Eu trabalho e trabalho muito! Quem me conhece sabe muito bem disso. É final de semana, é feriado, é Natal, é Ano Novo, to lá, na labuta. Mas só assim consigo realizar meus sonhos!

 

Quanto ao tempo, se você se programar direitinho, você vai encontrar uma solução bem bacana. Por exemplo, use suas férias para fazer um curso. Se você trabalha certinho, com carteira assinada, você tem esse direito. Então, use esses dias. “Ah, mas não é pouco tempo para fazer um curso?” Talvez sim, talvez não. Mas você vai fazer! No meu caso, eu juntei o útil com o agradável, como dizem. Fui passear, conhecer lugares novos e aproveitei para fazer meu curso de inglês fora. O curso teve duração de duas semanas, podem achar que é pouco, mas valeu muito a pena. Para o meu objetivo, que já contei aqui ( Londres - Parte 1 ) foi super legal. E não é de conhecimento de todos que dá para fazer um curso em um período tão curto assim, mas dá!

 

Eu fiz todo esse processo com a Egali Intercâmbio, analisei todas as opções que eles têm, fiz orçamento e o de Londres foi o que escolhi. E foi uma ótima escolha! (já estou pensando no próximo!! Sou dessas! rs)

 

A Egali te oferece todo o suporte, e isso é muito bom. A gente se sente mais seguro (a). Eu até gosto de me aventurar, mas gosto de ter segurança também, por isso fiz com uma empresa e não por conta própria. Tudo que precisei, eles me ajudaram, tiraram minhas dúvidas. E além do atendimento aqui no Brasil, eles possuem “bases de apoio” nos países. Em Londres, a equipe da base foi super legal. Fui recepcionada logo na minha chegada, até porque eu optei por ficar na Egali House (que é outra facilidade deles, que eu já contei aqui, mas você pode saber mais detalhes aqui no site). Me levaram para o apartamento, lá me mostraram tudo e também passaram algumas orientações. Eles também realizam alguns passeios, como o Walking Tour, que eu fui. Esse é um passeio nos principais pontos turísticos da cidade, mas tem outros também. Recomendo a Egali Intercâmbio!

 

 Walking Tour com a Base da Egali em Londres

 Walking Tour com a Base da Egali em Londres

 Meus amores do Flat 202 - Egali Houses <3

 

Confesso que dá uma dor no coração quando chega esse comunicado no mural...  rs

 

 

O Facebook da Egali Intercâmbio é:  Fanpage Egali

Essa é a página da Base em Londres:  Base Londres

E esse o site:  Site Egali 

 

 

Sobre a escola... The Language Gallery

 

A Egali também me ofereceu algumas opções de escolas. Eu optei pela The Language Gallery. Ela é muito bem localizada, alguns passos da estação Holborn, do metrô. Do ladinho do Museu Britânico e dá até para ir a pé para vários outros pontos bacanas de Londres, como Covent Garden, por exemplo. De localização: nota 10!

 

 O nº 18 da Rua <3

 

Gostei muito dos professores também. No total tive aulas com 3 professores diferentes, isso porque o professor do primeiro período estava de licença e foi substituído. Mas, geralmente são dois professores, um na primeira aula e outro na segunda, após o intervalo. A não ser que você mude de nível. Por falar em nível, eles fazem um teste com você no primeiro dia de aula para saber qual o seu nível no idioma, me colocaram no B1, que é nível intermediário. Na primeira semana achei muuuuito difícil, muito rápido também, mas na segunda semana já me adaptei melhor. Não mudei, pois para o meu objetivo estava tranquilo, mas se você sentir necessidade pode conversar com eles para mudar de turma, para uma mais avançada ou mais iniciante.

 

 Professor Willian comandando o game "Who Am I"?

 

 Estudando e fazendo um lanchinho

 Esperando a aulinha com as lindas <3

 A salinha mil e uma utilidades da The Language Gallery

 

Já me perguntaram sobre o material didático. Claro que você tem que levar seu caderno, lápis, caneta, enfim, o básico. Já o livro, você paga 30 libras por ele e, se você não rabiscar, rasgar, você pode devolver no final do curso e é reembolsado com 20 libras.

 

 My book

 

Gostei muito dos meus amigos da turma, tinha gente da Turquia, do Senegal, da França, de Marrocos... Tão legal!!! Na primeira semana era só eu de brasileira na minha turma. Depois entrou outro companheiro, inclusive daqui de Floripa também rs

 

Minhas lindas classmates 

 

Ah, o povo também se reúne para fazer passeios. Um dos passeios que fiz com a turma da escola foi para Greenwich, lá onde está a “linha” que divide o globo terrestre entre Ocidente e Oriente.

 

 Nosso piquenique em Greenwich

 Representantes de várias partes do Mundo, no meio do Mundo

 

 

 Um pé o Ocidente e o outro no Oriente

 Causando no Metrô

 

E teve certificado de conclusão do curso e tudo! Chique!

 

Saiba mais sobre a escola aqui no site: The Language Gallery 

 

Se valeu a pena? Ah, valeu! E como valeu! Pode ter certeza que, em breve, vou fazer outra viagem parecida com essa! rs

 

 Happy Hour de despedida com os amigos da Egali

 

 

Beijos e até a próxima!!

 

Simone Malagoli

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Veja também

Please reload